Ir para o conteúdo

CRM implica com médicos por “publicidade” mas não impede que anestesista investigado por pedofilia atue em maternidade 

O Conselho Regional de Medicina do RIo Grande do Norte é implacável quando o assunto é publicidade médica. Em tempos de redes sociais, então, todo cuidado é pouco.

Gostaria de ver esse mesmo rigor e zelo pela profissão com o caso que chocou o RN do médico anestesista Erick Yuri Luz, preso em flagrante com vasto material de pornografia infantil e pedofilia, em operação internacional.

O médico, que já está solto porque pagou fiança, atuou este fim de semana na maternidade Leide Morais, na Zona Norte.

O CREMERN nem se pronunciou sobre o assunto.

Publicidade

Matérias Relacionadas
×
Cookie

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Fechar