Ir para o conteúdo

Por que Janja incomoda? 

Por que Janja incomoda

Não é a roupa, feita por estilista potiguar e bordada por artesãs de Timbaúba dos Batistas, tem a ver com nossa cultura de primeiras damas dentro de um padrão de beleza e comportamento imposto pela sociedade e sobre machismo.

“Olha ela se movimentando, devia ficar mais quieta”, “deveria acenar com mais classe”, “poderia ter usado um vestido”…

Esperavam uma mulher calada ao lado de seu marido sem dar pitaco em nada ou dando pitaco só quando fosse estratégico. Uma mulher com cara de Barbie, magérrima, com acenos discretos ensinados em cursos para as misses.

Janja não é essa mulher. Ela veste o que quer, faz o que quer, se comporta como acha adequado para quem ela é. Janja é um tapa na cara do machismo. Ela é militante, sempre lutou pelo que acreditava, antes mesmo de conhecer Lula.

Janja avisou que será uma primeira dama completamente diferente do que já vimos. Ela sabe trabalhar, organizou uma posse para 300 mil pessoas, tem pensamento próprio. Não finge ser nada, ela é.

Lula parece não se incomodar com isso. Sempre pede sua ajuda, solicita sua presença, concede sempre a palavra para ela. Ele sabe que os pensamentos dela, progressistas, podem auxiliá-lo a entender esse novo mundo. Como ele mesmo diz: é um “machista em desconstrução”.

Janja vai incomodar muito ainda, aqueles que não reconheceram que é preciso pensar fora da “caixa” de uma cultura patriarcal onde as mulheres são obrigadas a seguir padrões de beleza, comportamento, falas, para serem aceitas por eles.

Publicidade

Matérias Relacionadas
×
Cookie

Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.

Fechar